Área de Hidráulica e Irrigação

usuários on-line

Artigos | Fale conosco | Localização | IRRIGA-L

Clima Ilha Solteira | Clima Marinópolis

INSTITUCIONAL
Home
Apresentação

Corpo Técnico
Ex-orientados
Diversos
 
Internet
Site

--------------------------------------------------------------------------------------------------
86 dias sem chuvas e sistemas de irrigação garantem a sustentabilidade do negócio de se produzir
--------------------------------------------------------------------------------------------------

86 dias em chuvas em média no Noroeste Paulista resulta nesta paisagem. Investimentos e, sistemas de irrigação é pura necessidade

Chuva e temperatura amena no Noroeste Paulista novamente
Em média foram 86 dias sem chuvas no Noroeste Paulista este ano encerrando um ciclo ou a contagem iniciada em maio e finalizado com a volta das chuvas em 13 de agosto de 2017. As pastagens secas deverão dar lugar ao verde e os riscos de incêndios diminuir consideravelmente. O período se longos dias sem chuva é conhecido da região que apresenta ainda as maiores taxas de evapotranspiração do Estado de São Paulo, mas muitas vezes esquecemos que há déficit hídrico em todos os anos, mudando apenas a intensidade e os meses em que ele ocorre.
De acordo com os registros da Rede Agrometeorológica do Noroeste paulista operada pela Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira em 2016, em média foram 76 dias sem chuvas maiores que 10 milímetros e o ciclo de seca começou em junho, em 2015 com início em julho foram 54 dias, já em 2014 foram 60 dias iniciando em maio, em 2013 teve inicio em junho o ciclo de 78 dias sem chuvas, em 2012 também com início em junho registramos 90 dias sem chuvas e em 2011 foram 84 dias sem chuvas com início em agosto. Mas em 2010 foram 159 dias sem chuvas em média no Noroeste Paulista e em Marinópolis, o recorde de 177 sem chuvas, com o período de seca iniciando em abril.
Uma consulta ao Canal CLIMA da UNESP onde são divulgados os registros feitos pelo monitoramento climático do Noroeste Paulista mostra que as chuvas voltaram de forma muito irregular, com um volume variando entre 10,9 mm em Populina e 64 mm em Itapura e ainda, na região na Nova Paulista, a Estação Dracena registrou 114 mm, com 59 mm somente ontem. Na média o Noroeste Paulista registra 40 mm de chuva em agosto, acima dos 18 milímetros esperado historicamente e menos que os 78 milímetros médios registrados em 2016, quando a região teve o seu agosto mais chuvoso da história, chegando a 140 mm em Ilha Solteira.

Com tanta chuva quem consulta o Canal CLIMA da UNESP Ilha Solteira observa que sobre Populina está a informação de 91 dias sem chuvas gerando dúvidas nos Internautas que muitas vezes entram em contato com a Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira. Decorre que mesmo Populina registrando 10,9 mm, este volume não aconteceu em apenas um dia e assim a contagem não foi reiniciada e o próprio Canal explica que o “placar” disponibilizado tem como base a agricultura e neste caso, é considerado dia de chuva quando chove 10 mm ou mais em um mesmo dia e assim, todos os demais municípios no Noroeste Paulista zeraram a contagem, menos Populina, que sente a falta das chuvas.

Sobre o armazenamento de água no solo, os Argisolos predominam na região Noroeste Paulista e conseguem armazenar em torno de 1,0 mm por centímetro do solo, e assim, de maneira geral, ajudado pelas chuvas de baixa intensidade e ao longo de vários dias, da queda da temperatura e das taxas de evapotranspiração, de maneira geral houve um excelente recomposição do armazenamento da água do solo e fará com que que os sistemas de irrigação permaneçam desligados por um bom número de dias, enquanto que as pastagens voltarão a brotar uma vez que a radiação global que incide sobre a região já passa dos 15 MJ/m.dia.
A evapotranspiração é a perda ou a transferência de água para a atmosfera feita pela transpiração das folhas e evaporação do solo e que, para máxima produtividade, deve ser reposta pela chuva ou pelos sistemas de irrigação. Com déficit hídrico conhecido até o dia 12 agostos os sistemas de irrigação estavam trabalhando a plena carga e esta semana que passou ficaram parados e devem permanecerem desligados nesta semana que começa hoje. Usamos os pivôs centrais para a produção de grãos em geral, pastagem e também citros. Já as videiras e as plantações de banana, são irrigadas pela aspersão convencional, gotejamento e microaspersão e as pastagens em áreas menores contam com a aspersão convencional.
A evapotranspiração de referência média no Noroeste Paulista até 12 de agosto de 2017 estava em 3,7 mm/dia e após o início das chuvas ficou em 2,5 mm/dia e em agosto, a média está em 3,3 mm/dia.
* Este press-release teve por base a resenha publicada semanalmente pelo Professor Dr. no Blog da Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira hospedado  em https://irrigacao.blogspot.com.br

SERVIÇO:

– Informações sobre agricultura irrigada e agroclimatologia no noroeste paulista são publicadas regularmente BLOG da Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira em http://irrigacao.blogspot.com
– Números e gráficos das estações agrometeorológicas no noroeste paulista estão em rhttp://clima.feis.unesp.br
– Canal da Área de Hidráulica e Irrigação da UNESP Ilha Solteira: www.agr.feis.unesp.br/irrigacao.php – Canal no YouTube: http://www.youtube.com/fernando092
– Canal CLIMA da UNESP Ilha Solteira: http://clima.feis.unesp.br
– Pod IRRIGAR – O Pod Cast da Agricultura Irrigada: http://podcast.unesp.br/podirrigar
– Fan Page no FaceBook: https://www.facebook.com/ahiunespilhasolteira
– Informações também em (018) 3743-1959

Jornal dia a dia, 21 de Agosto de 2017.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 
ENSINO, PESQUISA E
EXTENSÃO

Atividades Acadêmicas
Eventos
Defesas
Galeria

Projetos e Pesquisas

Fotos: as 10 mais
 
SERVIÇOS
Assuntos Diversos
Clima
Links
Downloads

Textos Técnicos
Previsão do Tempo
Publicações e Produtos
Extensão Universitária
 
VISTE O BLOG DA  ÁREA DE HIDRÁULICA E IRRIGAÇÃO DA UNESP ILHA SOLTEIRA